Bohemian Swimwear by Erica Bettencourt

A_BOEHMIAN

Erica Bettencourt, surfista da linha do Estoril e designer, decidiu aventurar-se no mundo da moda e criar a sua própria marca de biquinis e fatos de banho. Se ainda não conheces a Bohemian Swimwear, ficas agora com um cheirinho para no próximo Verão já poderes adquirir, quem sabe, um modelo único, original e, acima de tudo, nacional.

Erica, como surgiu a ideia da Bohemian Swimwear?
Nasceu praticamente num biquini. Eu comecei a praticar surf aos quinze anos e a paixão por design de moda cresceu com o meu curso de desgin gráfico. Foi sempre um sonho começar a minha marca de Fatos de Banho e foi assim que me iniciei nesta grande aventura.

Quando surgiu?
O ano passado, mas em 2013 é que fiz a colecção sozinha e apostei na marca, e também na produção a uma escala maior.

Como concilias a tua profissão com a criação de uma marca.
Não é fácil, mas é também nos países e nas viagens que faço em trabalho (sou assistente de bordo da TAP) que vou buscar as últimas tendências na moda de praia e inspiração para criação dos biquínis e fatos-de-banho.

Quais as dificuldades que tens enfrentado? Consideras que está a ser fácil o percurso?
Não, o tempo e o facto de ter duas profissões é muito difícil. Trata-se de uma marca pioneira, empreendedora, inovadora e portuguesa contando já com 13,500 seguidores no facebook. E sou eu que faço tudo sozinha: criação, produção, marketing e vendas.
A marca está a crescer e é preciso estar sempre concentrada e focada para que as clientes fiquem satisfeitas a todos os níveis.

Como correu este Verão? Foi o primeiro?
Sim foi o primeiro mais a sério! Correu lindamente, muitos biquínis esgotaram e as clientes em geral deram um feedback positivo e até enviaram emails a dizer que tinham adorado, o que me dá uma enorme satisfação pessoal.

Em como achas que a tua vida de surfista influencia a tua marca?
Para começar desenhei um biquíni feito em neoprene. O uso de neoprene, material em que são feitos os fatos de surf, é completamente inovador em Portugal, na concepção de biquínis. Além disso nas viagens que faço na busca de ondas perfeitas, são normalmente lugares onde a cultura de mar está totalmente interiorizada e a roupa de praia muito mais desenvolvida do que em Portugal. Quando vou surfar e estou no mar em perfeita sintonia com a natureza, a paz e calma únicas destes momentos são quando me surgem as melhores ideias para a colecção.

A Bohemian está direccionada mais para o surf?
O Hanami em neoprene é dirigido para as surfistas, por ser mais resistente e com um corte confortável. Quero sempre ter nas minhas colecções biquínis e fatos-de-banho especialmente pensados para o surf.

Em que é que te inspiras?
A Bohemian Swimwear é realmente única, influenciada por marcas brasileiras, havaianas e australianas, que fui conhecendo nas minhas viagens de trabalho e também em busca de ondas perfeitas. As nossas colecções limitadas procuram sempre respeitar a essência Indie&Boho da marca. São peças únicas e trendy para uma mulher moderna e alternativa.

Quais os teus principais objectivos com a Bohemian?
São principalmente a implantação e posicionamento da marca em Portugal e expansão para Europa, principalmente para Espanha. Apesar da marca enviar por correio os biquínis para todo o mundo, este ano chegámos a enviar biquínis para Austrália, Singapura, Amsterdão, etc. queria muito que a marca crescesse e se expandisse para Espanha numa dimensão igual ou até maior que em Portugal.

Para quem queira adquirir um biquini, como pode fazer?
A Bohemian tem uma loja online, www.bohemianswimwear.com/shop/, que funciona como a loja online da Zara ou de outra marca do género, é muito fácil. A cliente escolhe o modelo e tamanho e recebe em casa pelo correio, passado 5 dias úteis, o seu novo biquíni. Também fazemos vários showrooms pelo país, este ano estivémos no Lx factory, no CCB, no Masstige na Costa da Caparica e no Monte Estoril, mas para o ano vamos ter uma loja em Lisboa, na Artilharia Um.

Para quando podemos contar com a nova colecção?
A partir de Maio de 2014, a colecção já está quase toda desenhada… agora só falta começar com a produção.

Queres avançar com algumas ideias/ tendências para a próxima colecção?
Bem o factor supresa é muito importante, até porque há muitas marcas concorrentes, mas o minimalismo e os tons pastel vão fazer parte da nova colecção, sem nunca abandonar a tendência boémia da Marca.

artigos idênticos:

Top