Como funciona o coração quando treinas?

A_CORAZON

Ciclo cardíaco é o termo referente aos eventos relacionados com o fluxo e pressão sanguíneos que ocorrem desde o início de um batimento cardíaco até ao próximo batimento. Em resumo, o ciclo divide-se em dois períodos: o de relaxamento, chamado diástole, quando o coração recebe o sangue proveniente das veias, e o de contração, denominado sístole, quando ejecta o sangue para as artérias.

No ciclo cardíaco:
1. As válvulas auriculoventriculares abrem-se, o sangue começa a passar nos ventrículos.
2. As aurículas contraem-se enchendo os ventrículos.
3. As válvulas auriculoventriculares fecham-se e os ventrículos contraem-se para impulsionar o sangue para as artérias.

Difusão:
O ar entra nos pulmões, onde se produz o intercâmbio gasoso, entre alvéolos e glóbulos vermelhos. A difusão alvéolo-capilar é extremamente rápida e ainda que aumente o exercício e os glóbulos vermelhos permaneçam menos tempo em contacto com a membrana do alvéolo é suficiente para realizar o intercâmbio de O2 e CO2.

O sangue:
Os glóbulos vermelhos possuem moléculas de hemoglobina que são as que se encarregam de transportar o oxigénio. Produz-se um mecanismo de vasodilatação de artérias e capilares. Os glóbulos percorrem toda a árvore vascular até chegar às células musculares.

Retorno venoso:
O retorno do sangue produz-se contra a gravidade. Os vasos venoso possuem umas válvulas internas que impedem o seu refluxo. O exercício favorece o retorno venoso graças a contrações musculares dinâmicas que “bombeiam” o sangue.

Cuida do teu coração:
As doenças cardiovasculares são uma das principais causas de morte. Não penses que estás a salvo só por seres desportista. Aqui ficam alguns conselhos para ter em conta:

1 – Não deixes de treinar, a actividade física é imprescindível para manter um coração saudável. E outro dado importante: o teu sistema cardiovascular também sofre se fazes uma hora de desporto e és sedentário o resto do dia. Tenta fazer uma vida o mais activa possível de manhã à noite. Sobe escadas, alonga as pernas, mexe-te!
2 – Controla o teu peso. O excesso de peso é um dos principais factores de risco para desenvolver doenças cardiovasculares.
3 – Põe o avental. Para comer de forma equilibrada e saudável é imprescindível que tu mesmo cozinhes, preparando os alimentos a vapor, no forno, grelhados e com pouco sal. Os alimentos pré-cozinhados contêm gorduras trans (muito perigosas para o sistema cardiovascular) e são muito ricos em sódio. Planifica uma alimentação rica em verduras, frango sem pele e peixe.
4 – Não te excedas com o vinho e a cerveja. Um pouco de vinho pode ser bom para o coração, mas torna-se prejudicial se bebes mais do que um copo por dia. Quanto ao café, podes beber dois, desde que isso não te provoque nervosismo ou taquicardia.
5 – Mantém o colesterol e a tensão controlados. Faz medições periódicas, especialmente se tens antecedentes familiares e se tens mais de 45 anos, no caso dos homens, e 55, no caso das mulheres.

Fonte: Revista Sport Life.

artigos idênticos:

Top